abril 25

O instrumental técnico do Assistente Social

0
0

Olá, pessoal. Hoje estou aqui pra deixar mais um material que venha colaborar com você que é acadêmico de Serviço Social, você que é professor ou professora deste curso, você que já é profissional – mas que gostaria de relembrar algumas coisas, enfim a todos que se interessarem pelo assunto. Desconheço a autoria da apresentação abaixo, mas por ser clara, objetiva e lúdica, gostaria de compartilhá-la com vocês, a fim de colaborar com o aprendizado de todos acerca do instrumental técnico que utilizamos no dia a dia da profissão; afinal ser Assistente Social não é apenas portar um diploma: é ter o compromisso com a profissão, com as competências que este curso nos traz, com as instituições em que atuamos, com o código de ética a que respondemos, mas acima de tudo com os usuários dos serviços. E para trabalhar com qualidade e eficiência é necessário saber como usar os instrumentos a nosso favor, e a favor do bom atendimento ao cidadão. Por isso – repito – trago esta apresentação para que todos possam aprender ou relembrar os instrumentos que utilizamos no cotidiano profissional. Abaixo segue também o link onde este material pode ser encontrado. Boa leitura e bons estudos!

Instrumentos

www.pia.ufpa.br/Arquivos%202012/Instrumentos.ppt

Núrya Ramos

-58


Tags:, ,
Copyright © 2014. All rights reserved.

Posted 25/04/2014 by Núrya Ramos in category "Serviço Social

About the Author

Núrya Ramos é graduada em Serviço Social, pós-graduada em Políticas Públicas e Intervenção Social e atualmente é pós-graduanda em Gestão e Elaboração de Projetos Sociais. Atuou como tutora presencial na Universidade Anhanguera – UNIDERP (2012-2015) e como professora universitária no CEFELMA – Centro de Formação Educacional do Leste Maranhense (2012-2014). Apaixonada por literatura, música, cinema, culinária, mitologia, séries, futebol, fotografia, artes em geral e animais, também é poetisa amadora e flamenguista de carteirinha. Sonha em ser arqueóloga e percorrer o mundo desvendando os mistérios da nossa história.

Deixe uma resposta